O Feminino e o Sagrado um jeito de olhar o mundo

Meus presentes de aniversário

Como eu falei em um artigo anterior, faço aniversário em agôsto e de dois em dois anos, quando tem a Bienal, o presente que me dou, é ir à exposição e comprar alguns livros. Como esse é o Blog de um livro, vou contar e comentar os presentes que me dei esse ano.
Estipulei a quantia máxima de gasto em R$ 200,00, que é óbvio ultrapassei!

Três livros eu comprei antes da Bienal: MULHERZINHAS, da Louisa May Alcott, numa edição ilustrada maravilhosa, papel couché, capa especial colorida, fotos antigas, impressão feita na Itália: uma preciosidade! Eu adoro esse livro desde a minha infância e já tinha dois exemplares, mas não resisti! Estava em um sebo pelo preço ridículo de R$ 15,00.
O segundo comprei na Livraria Cultura da Paulista: COMPROMETIDA, da Elisabeth Gilbert. Eu gostei e me diverti bastante com COMER, REZAR, AMAR e quis ler o novo livro dela. Estou lendo e gostando:é leve, bem escrito e gostoso de ler.
Na estação São Bento do Metrô comprei CARTAS ESTRAVIADAS E OUTROS POEMAS, da Martha Medeiros. Eu gosto muito dos poemas dela! Para mim ela traz poesia para o cotidiano do ser mulher.

Chegando à Bienal o primeiro livro que comprei foi CAVALOS PARTIDOS, da Jeanette Walls. Eu adoro ler histórias de vidas reais e vidas diferentes e acho que por isso gostei muito do livro anterior dela, O CASTELO DE VIDRO, uma espécie de autobiografia da sua infância, uma infância muito amalucada! E o mais legal do livro é que ela conta a história sob a ótica da menina!
Nesse novo livro ela romanceia a vida da avó dela. Estou curiosa!

Depois dessa compra aconteceu um encontro, no mínimo, surpreendente! Estávamos nós, eu, Bia e Cassia xerentando no stand da Rocco, quando fomos abordadas por uma mulher que nos falou do livro que ela tinha récem lançado. Ela disse que, pelo o que tinha observado do nosso interesse ao vasculhar o stand, deveríamos gostar do livro dela. Ela é Maria Inez do Espírito Santo, carioca e autora de VASOS SAGRADOS – MITOS INDÍGENAS E O ENCONTRO COM O FEMININO.
Tudo a ver conosco! “Trocamos figurinhas”, compramos o livro dela, ela fez uma linda dedicatória para cada uma, depois comprou nosso livro e fizemos uma dedicatória para ela.
Mais uma vez a rede se teceu!!!

Os dois últimos livros que comprei esse dia foram: NOSSA SENHORA, um lindo e pequeno livrinho, de Carolina Chagas, ilustrado por Rica Ramos, que fala em cada página um pouco sobre as diferentes manifestações de Maria.
E, por fim, as três meninas que existem em nós, tiveram que comprar, as três, o belíssimo livro ilustrado, AS QUATRO ESTAÇÕES DAS FADAS.
Foi um belo dia!!!!!
E, sobre os outros livros que comprei no outro dia que fui à Bienal, conto em outra ocasião.

 

Texto de Cristina Balieiro

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *