O Feminino e o Sagrado um jeito de olhar o mundo

Pensamentos e Imagens

A masculinidade costuma trazer implícita uma capacidade de ficar só e renunciar a relacionamentos, ao passo que a feminilidade sugere a conotação de uma disposição a renunciar a si mesma pelo bem dos relacionamentos. No entanto, as duas estratégias (a renúncia a relacionamentos para a manutenção da própria voz e o emudecimento da voz para manutenção de relacionamentos) acarretam tanto a perda da voz como da capacidade de relacionar-se! 
Carol Gilligan 

Essa visão patriarcal que costuma embasar a educação dos meninos e das meninas, é a causa dessa trágica ferida psíquica que nos atinge, tanto homens como mulheres e nos faz sofrer tanto, um sofrimento absolutamente desnecessário! 
Essa absurda dicotomia que diz aos homens: não seja vulneráveis, pois vocês serão menos homens e as mulheres: não seja vocês mesmas pois podem afugentar os homens, o que as tornará menos, é altamente nociva a todos. 
É tão cruel que chega a doer! 
Precisamos com urgência curar isso em nós, mudar essa cultura estúpida e dar maiores chances aos menininhos e menininhas de hoje e do futuro, para termos homens e mulheres mais saudáveis emocionalmente falando,  mais inteiros , mais íntegros  e mais companheiros e amigos de jornada.
 

1 comentário

  1. Heloisa Helena disse:

    Cris, Campbell utilizava da "difamação mitológica" para rebaixar o poder desses mitos e promover a integração dessas forças. Grata pela reflexão!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *