O Feminino e o Sagrado um jeito de olhar o mundo

O feminino, por Ricardo Kelmer

Texto de RICARDO KELMER

Assim que li este post no blog de nosso amigo Kelmer  http://blogdokelmer.wordpress.com, pedi para coloca-lo aqui. 
De um jeito bem masculino, ele trata de seu lado feminino com bom humor (veja a foto!), carinho, erotismo, competencia (entre outras coisas ele é escritor) lirismo (abaixo uma de suas poesias). Confira:

 O feminino é um elemento muito importante em meu trabalho. Desde o início ele já se revela, nas redações da escola e nos poemas adolescentes. Está presente em meus livros, no Cabaré Soçaite e no Viniciarte. O amor, o respeito e a reverência à mulher… O fascínio pela beleza, pela sensualidade e pelo mistério que exala do feminino…

Separei alguns poemas e letras de músicas onde o princípio feminino está bem manifestado, em várias de suas facetas. 
Sim, o feminino tem muitas luas, é menina e é mulher, é santa e é prostituta. Às vezes se expressa na mulher carente e vingativa, noutro dia na garota fútil no shopping center, depois na mulher guerreira ou na velha sábia. O feminino não é. O feminino são.

ELA NO ESPELHO
2006, Ricardo Kelmer
 

No espelho ela se olha
Do outro lado ela se vê
E quem olha pra ela não é
Quem ela pensa ser

Ela vê que ela não é
Quem um dia ela já foi
Que o tempo passa na janela
E o que era ela já se foi

Ela se olha e se esconde
E pergunta outra vez
Mas o espelho não responde
Ao olhar dos seus porquês

Quem é aquela que se olha?
Quem é a outra que se vê?
E o seu olhar só lhe devolve
O mistério de crescer

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *