O Feminino e o Sagrado um jeito de olhar o mundo

Uma salada de princesas

O mais bacana da gente desenhar nossas princesas é poder escolher não ser uma, mais muitas! E ser, além de princesa, também rainha, fada, bruxa, a velha boa ou a velha má, a mulher foca, a esqueleta, a sereia: um mar de possibilidades que possa dar conta de todas as facetas que queiramos experimentar!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *