O Feminino e o Sagrado um jeito de olhar o mundo

O Tao se percebe na prática, diz Jerusha Chang

capa FemSagrEu acho que, realmente, meu primeiro encontro com o que poderia ser Deus foi num retiro que a gente fez lá em Campos do Jordão. Lá,tive uma grande revelação de Deus como sendo a própria natureza. Eu tinha nessa época uns 16 anos, adolescente ainda.
Depois, com a prática do tai chi com o mestre, fui descobrindo que esse Deus que eu sempre busquei estava dentro do que a filosofia do Tao colocava. 
A própria energia primordial criadora da vida é o Tao, é Deus na visão taoísta. É uma energia que nós temos dentro de nós, que a natureza nos dá. Todos nós temos esse potencial divino dentro de nós. O Tao se percebe na prática, quando a gente medita, quando faz uma prática e sente Deus na gente; é essa a ligação.
Então, para mim, ficou muito claro: a religião como sendo o religare, a religação, coisa a que nem o catolicismo nem o protestantismo tinham respondido.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *