O Feminino e o Sagrado um jeito de olhar o mundo

Connie Zweig fala sobre o Feminino


O princípio feminino foi arrancado não apenas do reino mitológico, social e político, mas também da vida interior dos indivíduos, onde poderia ter o poder de proporcionar o Eros, a capacidade de relacionamento, a alimentação e criação e um tipo de autoridade que vem da alma.Por essa razão, o Feminino muitas vezes está ausente também de nossas vidas interpessoais, no espaço sagrado que há entre nós e aqueles que amamos.
MULHER EM BUSCA DA FEMINILIDADE PERDIDA – pág. 65

PS: A imagem é de uma pintura da extraordinária Meinrad Craighead

1 comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *