O Feminino e o Sagrado um jeito de olhar o mundo

Você não precisa de filho para ser mãe

Acho que eu sacrifiquei a minha vida pessoal em muitas coisas, porque na verdade o meu foco se tornou o caminho profissional. Mas um caminho profissional que tem que ter a força da maternagem. Se eu não vou ser mãe, o que eu fizer tem que ter a mesma dedicação. Isso para mim se tornou um compromisso de vísceras. Porque, para mim, em algum aspecto da minha vida, isso tem que ser igual a ser mãe, cuidar, abrir mão de uma série de coisas em nome do seu filho.
No último trabalho de constelações familiares de que participei, no ano passado, em que estava falando da minha dor de não ser mãe, o terapeuta me falou: “Aonde você vai a energia maternal caminha com você. A sua presença traz a todos nós a sensação da maternagem. Você não precisa de filho para ser mãe”.
Então, eu sou realmente um curador ferido.

Depoimento de Neiva Bohnenberger

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *