O Feminino e o Sagrado um jeito de olhar o mundo

Jean Shinoda Bolen fala sobre auto aceitação


O bom e o ruim do passado moldaram quem você é no presente. Aceitar isso, sem se contaminar por ressentimentos, raiva ou inveja exige maturidade e uma total aceitação de sua própria vida, sabendo que não se pode ter a vida de outra pessoa, e o espírito com que você encara sua vida cabe a você e a mais ninguém.

AS DEUSAS E A MULHER MADURA – pág.261

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *