O Feminino e o Sagrado um jeito de olhar o mundo

Solidão na mudança

Uma das coisas mais difíceis foi que eu me sentia totalmente sozinha! Minha família e meus amigos não aceitavam quem eu tinha me tornado e ficavam me pedindo para eu voltar ao meu…

Encaixar nos modelos do sistema não é solução

Somos pressionados pela sociedade, pela família, pela propaganda, pelas contas que temos de pagar e por nossas divisões internas – medo, culpa, ambição, preconceitos – a nos encaixar nos modelos do sistema. A viagem…

Sobre a imaginação

A imaginação é uma capacidade humana tão incrível quanto a racionalidade, mas, infelizmente, muito menos valorizada. É ela que nos permite conceber coisas que não se situam no presente e…

Danças circulares e o equilíbrio de energia feminina

Ser pioneira também requer uma força de líder que pode beirar a força masculina… Mas, a partir do momento em que comecei a trabalhar com as danças circulares e com os grupos,…

A deusa Ártemis – parte 1

No nosso último Encontro de Mitologias do Feminino falamos da deusa Ártemis. Nesse post vamos contar seu mito e na quarta-feira que vem falar de suas características. A Deusa Leto,…

Sobre a Páscoa e os Mestres da vida

Nesse fim de semana de Pascoa quando comemoramos a ressurreição de um grande Mestre, lembro de pequenos mestres e mestras que temos pela vida. E aproveite: esse livro está em…

Você não precisa de filho para ser mãe

Acho que eu sacrifiquei a minha vida pessoal em muitas coisas, porque na verdade o meu foco se tornou o caminho profissional. Mas um caminho profissional que tem que ter a força…

Nossa avó iorubá: Nanã Burucu – parte 2

Foi Nanã quem proporcionou a matéria-prima com que as mulheres e os homens foram feitos. Quando quis criar o Mundo e os Humanos, Olorum, o Senhor do Céu, encarregou Oxalá,…

A cada um cabe fazer sua própria jornada

A cada um cabe fazer a própria jornada. Algumas pessoas torcem o nariz quando ouvem essa frase, pois confundem individualismo com individualidade. Segundo o dicionário, individualismo é uma “teoria que privilegia o indivíduo em detrimento da…

Nossa avó iorubá: Nanã Burucu – parte 1

Nanã Burucu é a mais velha das aiabás. Aiabá em iorubá quer dizer rainha e é a denominação usada para todos os orixás femininos. Nanã vem de tempos tão remotos,…

Iemanjá e a maternidade – parte 2

Lições sobre a maternidade da Nossa Grande Mãe Africana: Iemanjá Iemanjá também nos ensina que a maternagem tem limites, especialmente no tempo. Sem esse limite, o absolutamente imprescindível cuidado com…

Eu disse “sim” para coisas demais…

E eu disse “sim” para coisas demais. Hoje em dia, quando olho para trás, vejo as coisas que eu tinha assumido naquela época, em termos de responsabilidade de trabalho, e penso: “Que…