O Feminino e o Sagrado um jeito de olhar o mundo

Casa de bruxa

                                      pinterest

Achei uma delícia essa descrição de casa de bruxa. Quem sabe a sua não é um pouco parecida? Não sei a autoria; se souber me informe por favor. Agradeço a Ellen que divulgou.

Na casa da bruxa tem buda, tem santo,
Tem anjo, tem sílfide, fada, duende, gnomo,
Figa, guia, cigano, patuá e orixá.
Na casa da bruxa, tem parede estufada,
Tem piscina, churrasqueira e ducha,
Um quarto pra receber gente boa,
De tudo tem na casa da bruxa.
Tem vassoura, claro,
Mas também tem rodo e pá.
A bruxa ama arrumação,
Tem um grande caldeirão,
Mas detesta limpar.
Limpa por obrigação.
Na casa da bruxa tem ninho,
um montão de passarinho,
tem mico, cachorro e gambá.
Na casa da bruxa, tem reza, prece, amor no coração;
Ninguém quase sabe que a bruxa não é curandeira
Estudou a vida inteira pra ter diplomas na mão
Só que a bruxa sabe, que mais vale a sabedoria
E a intuição do que a pós graduação.
Aqui, na casa da bruxa, tem planta de montão,
Flor pra todo lado, abraço apertado.
Tem um mural lindo.
Ah… Na casa da bruxa tem sempre a porta aberta…
Mas nem entre sem ser convidado
A bruxa é maluca, vai atirar.
Na casa da bruxa tem muita bruxaria,
Muita fé e magia, sempre pra cura e pro bem
Eu, a dona da casa, bruxa de muita fé,
Acredito em tudo que é do bem,
Tem gente que não entende,
Diz até que sou do mal…
Tenho pena desta gente
Isso não é normal… Não se julga assim…
E na minha casa, na casa da bruxa,
Reside o amor, respeito pela natureza,
Acalanto e protejo a beleza,
Coisas que dou valor.
Porque o amor mora na casa da bruxa,
Mora no meu lar, mora em mim.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.