O Feminino e o Sagrado um jeito de olhar o mundo

Dois mestres falam sobre meditação na pandemia

Outro dia um rapaz me contou que ele e sua família pegaram a Covid 19. Disse que foi difícil, mas que o fato de ele fazer meditação o ajudou muito, e facilitou que ele ajudasse sua família também.

Claro que sempre mantendo as medidas recomendadas pelos médicos, fazer meditação atua beneficamente em todo sistema corpo-mente da pessoa. E existem muitos tipos de práticas meditativas – o que é ótimo, pois algum vai se adequar a você.

Dois mestres de diferentes linhas falam sobre dois tipos que recomendam para essa hora de pandemia. Coloquei aqui um resumo do que disseram, que você pode ver integral em seus vídeos no youtube, que foram a minha fonte:

Yongey Mingyur Rinpoche, lama budista da linha tibetana:

Seja cuidadoso, ouça os conselhos dos especialistas, dos médicos, da ciência, e faça a meditação, que é muito importante.

Todo mundo está sentindo medo, preocupação e ansiedade. Mas do ponto de vista de um meditante, o que quer que estejamos enfrentando em nossas vidas pode ser visto como uma oportunidade de aprendizado e crescimento.

Então, faça a meditação do amor e da compaixão.

Especialmente se sentir medo, ansiedade ou preocupação, que trazem muitas sensações ao corpo, apenas observe essas sensações.

Observe as sensações que a ansiedade causa no seu corpo, e faça a meditação da compaixão, trazendo as preocupações dos outros junto com as suas, meditando com a seguinte intenção:

“Que minha preocupação e ansiedade se tornem a representação da preocupação e da ansiedade de todos.

Que todos os seres estejam livres de preocupação e ansiedade, obstáculos e sofrimentos vindos desse problema”.

Isso ajuda muito, assim sua ansiedade se transforma em amor e compaixão.

 

Amma, líder espiritual da tradição hindu, defensora e porta voz de grandes causas humanitárias, conhecida como “a santa dos abraços”:

Siga as orientações da ciência, da medicina e dos governantes fazendo o isolamento social – e entoe mantras.

Isso porque tudo existe na forma de ondas ou vibrações. O tipo de vibração transmitida pela raiva é diferente da vibração de uma mãe que abraça o filho, que é diferente da vibração do abraço entre amantes.

Com as atitudes recomendadas e mais a vibração do mantra, pode ser possível resistir ao vírus. A prece com intenção profunda tem efeito.

O universo é uma rede interconectada. O problema do outro será meu problema amanhã. E nem tudo está nas nossas mãos – nem mesmo a próxima inspiração está nas nossas mãos. A graça é necessária, e o mantra ajuda.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *