O Feminino e o Sagrado um jeito de olhar o mundo

A arteterapia pode te tirar do caminho de vítima

Trabalhar com máscaras é uma das formas de trabalhar com a sombra, de dar corpo e voz a ela. Você a traz para o trabalho, traz para sua mão. Quando…

Como João e Maria sobreviveram ao caos – uma história para hoje

Nesse caos que vivemos hoje não te parece que estamos perdidos num lugar escuro, sem pai nem mãe…? Numa horrorosa situação política, econômica e de saúde pública, sem um pai-líder…

Você está em algum ponto desta jornada

Atenção: este livro e mais os nossos outros (O Feminino e o Sagrado e Círculo de Mulheres, ambos da Editora Summus) estão em oferta com 50% de desconto até domingo…

Resenha do livro “Círculo de mulheres” por Bela / Izabela Beirão

Como ela mesma conta, Izabela Beirão, resolveu seguir seu coração: mergulhar no universo literário. E assim surgiu o Livros da Bela. Um site com resenhas literárias dos livros de sua…

Nosso chamado à aventura num natal de anos atrás

Um dia, Cristina emprestou para a Bia um livro muito amado: O jardim sagrado – a dimensão espiritual da vivência feminina. Era um tema que interessava às duas, que desenvolviam…

Dormindo demais? Sono demais?

Aquela vontade de não sair da cama, não fazer nada, ficar quieta, é só sono e cansaço? Talvez, mas pode ser que você esteja num trabalho de processamento interno que…

Há muito preconceito contra lésbicas

“Eu cheguei à conclusão de que o preconceito internalizado é o mais difícil de lidar. É preciso trabalhar anos e anos para ir se livrando dessa carga. E a pessoa que…

Hoje você lembrou de lembrar de si mesma?

Há mil maneiras de esquecer de si mesma e de se enganar. Trabalhar demais é uma das maneiras de se esquecer de si, não admitir que quem amamos está nos…

Até que ponto vale a pena insistir em se adaptar?

Em dos mais belos textos de Mulheres que correm com os lobos, Clarissa Pinkola diz: “Se você tentou se adaptar a qualquer tipo de forma e não conseguiu, talvez você tenha…

Por que os gatos são associados às mulheres e às feiticeiras?

Desde sempre gatos são animais ligados ao feminino. Eram consagrados a Isis, cultuados como entidade lunar e acreditava-se que possuem o dom da vidência pois “enxergam no escuro”. Também são…

Chorar a dor de ser diferente

Naquele dia meu terapeuta me disse: “Não adianta, você não é igual à maioria das pessoas, vai ter de aceitar isso”! Eu lembro bem, voltei sozinha para Ubatuba de ônibus…

O que preciso terminar para que outra coisa possa começar?

“Ao que preciso dar mais morte hoje, para gerar mais vida? O que sei que precisa morrer em mim para que eu possa amar? (…) O que deveria morrer hoje?…